Canal da Fertilidade
Esclareça suas dúvidas sobre infertilidade

Hormônio Anti-Mulleriano

A dosagem do hormonio anti-mulleriano ou AMH é uma nova técnica para medir a reserva ovariana da mulher.

Até recentemente a dosagem de FSH e a ultrassonografia eram as principais maneiras de avaliar a reserva ovariana. A vantagem do AMH é que pode ser dosado em qualquer fase do ciclo, diferentemente do FSH que deve ser dosado entre 2º e 5º dias do ciclo menstrual. Outra diferença é que o FSH é pior quanto mais alto for, já o AMH é pior se os valores são mais baixos.

A grande crítica ao AMH é que os valores de referência ainda não estão bem estabelecidos e em algumas vezes é difícil a realização de um diagnóstico apenas com seu resultado.

Ainda não existe um teste perfeito para a avaliação da reserva ovariana. Assim, o especialista deve usar a história clínica, exame físico, ultrassonografia e exames laboratoriais como FSH e AMH para chegar ao diagnóstico mais correto.